sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Polícia Civil investiga destruição de imagens de santos em Copacabana

A Polícia Civil investiga a ação de um casal integrante da Marcha das Vadias no último sábado durante um protesto em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Com a praia lotada de peregrinos católicos por ocasião de um dos eventos da Jornada Mundial da Juventude, um homem e uma mulher destruíram imagens de santos e sentaram em crucifixos. 
De acordo com o delegado José William de Medeiros, da 12ª DP (Copacabana), alguns das garotas já foram identificadas e serão convocadas a prestar depoimento. Um inquérito já foi instaurado para apurar o caso.
É livre o direito de se manifestar, no entanto atitudes agressivas, ofensas e tratamento diferenciado a alguém em função de crença ou de não ter religião são crimes ligados à intolerância religiosa.


4 comentários:

  1. A mulher da foto é RAÍSSA SENRA VITRAL, nascida em 17 Out 87, moradora de Juiz de Fora. Aqui no RJ mora na Rua Hadock Lobo, 181, aptº 205, bairro Rio Comprido. Só esse ano foi presa 3 vezes, por atentado ao pudor, desacato a autoridade, lesão corporal.
    Já o babaca que sentou na cruz e tb quebrou a santa é GILSON RODRIGUES SILVA JUNIOR nascido em 22 Mar 91, mora na Rua Barão Petropolis, 396, aptº 205, no bairro Rio Comprido, tem várias prisões inclusive por tirar a roupa em público.

    ResponderExcluir
  2. Esse grupo não merece respeito e joga contra si mesmos. Processo criminal nelas, vão ser vadias na cadeia.

    ResponderExcluir
  3. AKI, ELES TUDO FAZEM, TUDO PODE... SÓ P/DIZER O QUE? JÁ QUEIMARAM CRISTÃOS, CORTARAM CABEÇAS, FIZERAM DE TUDO E NÃO MUDOU NADA, POIS NOSSO AMOR EM DEUS É MAIOR DO ISSO.
    SÓ QUEBRAM E SENTAM EM IMAGEM, POIS EM DEUS ELES NEM CHEGAM PERTO. QUANDO FIZEREM SUA PASSAGEM PARA O MUNDO ESPIRITUAL, ELES VÃO SENTAR NO TRIDENTE DO SATANAS E VÃO CHAMAR POR DEUS......

    ResponderExcluir