quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Suspeito é preso em hospital após troca de tiros com PMs na Rocinha

 Policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Favela da Rocinha trocaram tiros com bandidos durante um patrulhamento na madrugada desta quarta-feira na localidade conhecida como Campinho da Cachopa. Um suspeito foi preso. PMs encontraram homens armados. Ao ver os policiais, um deles efetuou disparos com um fuzil 556 contra os militares, que revidaram.
O suspeito identificado como Leonardo Souza do Rego, vulgo Leu Zuleica, foi atingido na mão e fugiu com os comparsas, deixando para trás a arma e três carregadores que foram apreendidos. Momentos depois, os policiais da UPP receberam informações dando conta da presença de um homem com um ferimento causado por arma de fogo no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea.
Logo os agentes identificaram que se tratava de Leu Zuleica, que momentos antes havia efetuado os disparos. Os policiais fazem buscas para encontrar os demais bandidos que fugiram. O caso foi registrado na 14ª DP (Leblon).

3 comentários:

  1. Pronto, agora sai na Globo que PMs de UPP balearam um inocente. Mais um servente de pedreiro.

    ResponderExcluir
  2. A Segurança Pública não é prioridade no Rio de Janeiro, pois o ESTADO não investe em seus profissionais. O Policial Militar do Rio de Janeiro não tem um salário digno! É preciso PRESERVAR O PODER AQUISITIVO do PM do Rio, reajustando os soldos da Corporação e evitando que fiquem abaixo do MÍNIMO! O salário do PM do Rio continuará sendo o pior do país?

    O Governo do Estado do Rio de Janeiro, com a segunda maior arrecadação de impostos do Brasil, poderia pagar muito melhor os Bombeiros e Policiais Militares. Segundo o DIEESE, o SALÁRIO MÍNIMO NECESSÁRIO referente ao mês de Abril de 2013 foi estimado em R$2.892,47 (dois mil, oitocentos e noventa e dois reais e quarenta e sete centavos). O referido piso tem o objetivo de atender ao artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988, que visa suprir as NECESSIDADES VITAIS BÁSICAS. O vencimento bruto do soldado PM/BM no RJ está R$815,22 abaixo do supracitado valor, é de apenas R$2.077,25 (dois mil e setenta e sete reais e vinte e cinco centavos).

    O Governo do Estado do Rio de Janeiro paga um SOLDO INFERIOR AO SALÁRIO MÍNIMO vigente (R$ 678,00) aos CABOS E SOLDADOS da PMERJ e do CBMERJ. Sérgio Cabral precisa conceder apenas 39,25% de reajuste salarial para a PMERJ e o CBMERJ para cumprir o ARTIGO 7º, INCISO IV, DA CARTA MAGNA. "QUEM VIVE PARA PROTEGER, MERECE RESPEITO PARA VIVER." O SD PM RG 100.000 EVERSON INCORPOROU no dia 06 de Agosto de 2013 e ganhará muito menos do que precisa, infelizmente! Espero que ele seja honesto e honre a farda que estiver vestindo, pois ganhar mal não é motivo para cometer desvios de conduta, ou seja, se envolver em atos que possam denegrir a imagem da corporação.

    Não ao salário de fome! Por um salário mínimo vital de R$ 2.892,47 para o soldado da PMERJ e do CBMERJ. A tropa quer apenas o básico!

    ResponderExcluir
  3. Tem que sentar o aço nesses bandidos!!! Chumbo grosso neles...

    ResponderExcluir