sábado, 3 de agosto de 2013

TERESÓPOLIS - Duas viaturas da PM se envolvem em acidentes

Em menos de 24 horas, duas viaturas da Polícia Militar se envolveram em acidentes de trânsito. O primeiro caso ocorreu em frente ao cemitério Carlinda Berlim, no Vale do Paraíso, onde houve uma batida frontal contra um Fiat Pálio. O acidente aconteceu no início da noite de quarta-feira, quando agentes da PM saíam do local de onde foram chamados para atender a uma briga na Rua Álvaro Paná. A viatura cortou caminho pelo cemitério e na saída para a Estrada Wenceslau José de Medeiros atingiu o veículo da autônoma Ana Lorete, de 44 anos, moradora de São José do Vale do Rio Preto, quando ela se dirigia para sua casa sozinha no veículo. Na viatura da PM, estavam dois policiais e o casal que foi levado na ocorrência da briga. Com a colisão, os dois veículos sofreram fortes avarias na dianteira, mas nenhum dos ocupantes dos dois carros ficou ferido. De acordo com o que foi apurado no local, a sirene da viatura estava ligada, mas não foi o suficiente para evitar que o impacto ocorresse.

Corsa atingiu Blazer da PM com violência e deixou dois policiais feridos na colisão ocorrida no bairro do Alto 
Pálio colidiu com viatura da Polícia Militar em frente ao cemitério Carlinda Berlim 

Cobrar prejuízos
O Tenente Cunha, supervisor do dia, orientou a motorista do Pálio a registrar a ocorrência com fotos para acionar o Estado e cobrar os prejuízos. Nenhum policial concedeu entrevista, mas o repórter José Carlos “Cacau” apurou que o casal que estava dentro da viatura estaria provocando um grande tumulto dentro da viatura ao permanecerem brigando. O trânsito no local ficou interditado até a chegada da perícia, mesmo não havendo vítimas, porque o acidente envolveu uma viatura oficial. A Guarda Municipal controlou o trânsito até que o tráfego pudesse ser totalmente liberado. No segundo caso, a colisão registrada teve maior gravidade. O acidente ocorreu ao lado da Praça da Feirinha do Alto, quando um Corsa de cor verde escura vinha em alta velocidade pela Rua Mello Franco e atingiu em cheio a Blazer ocupada por dois policiais militares. O impacto foi tão grande que deixou a viatura com as rodas para cima, promovendo uma cena impressionante. Dentro da viatura estavam o Tenente Fernando, supervisor, e o Sargento Vieira. Ambos sofreram ferimentos e tiveram que ser levados ao HCT pelo Corpo de Bombeiros para receberem atendimento médico. De acordo com o motorista do Corsa, que ficou ileso e estava sozinho no veículo, o acidente ocorreu devido a uma falha no freio do carro que o impediu de desacelerar enquanto se aproximava da viatura.

Um comentário:

  1. Será instaurado um Inquérito Técnico (IT) e, se comprovada a culpa dos PMs, eles terão que pagar as despesas de conserto da viatura.

    ResponderExcluir