sexta-feira, 13 de setembro de 2013

O comando da PM escalam os policiais nas folgas de forma obrigatória




4 comentários:

  1. Os policiais estão revoltados

    ResponderExcluir
  2. SD. Apollonio.



    Senhor Dep. Paulo Ramos: Deposito todo o meu respeito pela vossa senhoria por tentar ajudar-nos nessa guerra que aparentemente não encontramos fim.

    ResponderExcluir
  3. Os policiais não têm vida, não podem programar nada pois não sabem se estarão em casa, não tem a polícia como um emprego, vivem exclusivamente para a polícia, o RAS foi feito para quem quiser complementar a renda, porém quem se esforça para ter uma renda estável mesmo com o pouco que recebe da corporação está sendo obrigado a trabalhar, aquele que priva a família e a saúde não tem nenhum, pois não têm o direito de escolha. E além do mais, ninguém está recebendo, só foi recebido valor referente a época da Jornada da Juventude. Como a polícia pode ter a cara de pau de dizer que o policial é o maior patrimônio? Os trata como lixo, e como lixo os policiais se sentem. O policial tem passado a odiar mais a corporação do que o delinquente, aliás, o delinquente tem gostado da corporação, pois está coloca nas ruas para lutar contra eles uma tropa insatisfeita, oprimida e com baixa estima. Espero que o Sr., Deputado Paulo Ramos, continue fazer diferente da imprensa que nem sequer toca no assunto, outra coisa, avisa pra imprensa que os policiais que eles tanto chamam de policiais do batalhão de choque na verdade são policiais de farda cinza, de batalhões comuns, que estão na sua folga tendo que suporta horas a fio de pé com o peso de equipamentos como escudos, capacetes e afins, que ultrapassam 30 kilos, e tudo isso, na sua folga!

    ResponderExcluir
  4. falou tudo que queríamos ouvir mas precisamos mesmo de pessoas que possam agir!! mesmo assim
    obrigado!!!

    ResponderExcluir