terça-feira, 3 de junho de 2014

BRASÍLIA - Comissão de Segurança Pública debate direito de greve de policiais e bombeiros

 A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados fará uma audiência pública, nesta terça-feira, para debater o direito de greve de policiais e bombeiros militares. A reunião foi proposta pelos deputados Mendonça Prado (DEM-SE) e Fernando Francischini (SD-PR) que afirmam que “a situação da segurança pública no Brasil chegou a níveis preocupantes”, por falta de estrutura e condições de trabalho.

O evento será realizado hoje a partir das 14h, no Plenário 6 do Anexo II.

2 comentários:

  1. NÃO PRECISA SER VIDENTE PARA SABER QUAL É A OPINIÃO DAS MAIORIAS QUE INTEGRAM ESSA COMISSÃO, SE DEPENDER DOS NOSSOS GOVERNANTES, TEREMOS QUE TRABALHAR ATÉ A MORTE, SEM DIREITO NEM DE RECLAMAR.

    ResponderExcluir
  2. Não permitir o direito a greve e nem dando uma alternativa para que se pleiteie legalmente aquilo que todo cidadão tem direito,sugere a existência de regime escravagista.A Lei áurea inexiste para o policial militar e o Militar federal.No Brasil temos os Cidadaos e os não cidadãos, os não cidadãos,não tem direitos só deveres,estão incumbidos de servir e proteger o cidadão,o que tem direitos, e seus direitos de cidadão.Como se protege o direito e a liberdade de cidadãos,quando não se conhece o sentido de cidadania e tampouco de liberdade.Como ouvir as vozes dos cidadãos,se estes cidadãos tendo ouvido fazem questão de se fazerem de surdos e também tudo fazem para calar aqueles que tentam ser ouvidos.

    ResponderExcluir