quinta-feira, 5 de junho de 2014

Governador cria medalha para Batalhão de Choque

O governador Luiz Fernando Pezão publicou nesta quarta-feira em Diário Oficial um decreto que cria uma honraria para policiais que se destaquem no Batalhão de Choque (BPChoque) da Polícia Miltar. A medalha foi chamada de “Regimento Marechal Caetano de Faria - Tradição e Força”. O texto que justifica a criação é polêmico: diz que o batalhão “desde sua gênese mantém a sua vocação de defesa da cidadania, da preservação da ordem social, e da incolumidade pública, fazendo dessa tríade sua marca histórica”. Desde o início da onda de manifestações, em junho do ano passado, PMs do batalhão vêm sendo alvo de críticas por ações consideradas truculentas na repressão a esses protestos. 
A medalha fará parte das comemorações dos cem anos do BPChoque e, também segundo o decreto de Pezão, é justificada pela “importância e necessidade de expressar a gratidão àqueles que fizeram e fazem parte da história do citado batalhão”. A honraria será concedida uma vez por ano, através de ato do comandante-geral da PM. Serão 60 medalhas a cada ano, sendo que excepcionalmente na primeira leva serão concedidas 120. 
O comandante do BPChoque será o presidente do conselho, com cinco membros, que escolherá os merecedores da medalha. Qualquer policial poderá ser indicado desde que cumpra a requisitos básicos como não ter sido punido disciplinarmente ou não ter sofrido sentença condenatória transitada em julgado, ainda que haja o benefício de indulto ou perdão.

10 comentários:

  1. Enquanto isso no hcpm só chicotada...qpm o trabalhando no hospital e na rua...qpm6 de maré mansa podendo ate trocar plantao...vergonha essa pmerj

    ResponderExcluir
  2. POR MIM, PODEM ENFIAR ESSAS MEDALHAS TODAS NOS SEUS ORIFÍCIOS RUGOSOS, PARA NÃO FALAR COISA PIOR, QUEM QUER SABER DE MEDALHA? COM TANTOS PROBLEMAS NA CORPORAÇÃO, SÓ IDIOTA FARÁ QUESTÃO DE UMA COISA TÃO DESNECESSÁRIA, E ALEM DE TUDO, SE FOI CRIADA PELO PESÃO, DEVE CHEIRAR A CHULÉ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ridículo, não serve pra nada, no primeiro furo, esquecem tudo que o PM fez e empurram a naba, governador quer ajudar, comece mexendo no código de ética e na carga horária assim terá uma polícia mais feliz, ano de eleição não esqueçam!!!

      Excluir
  3. NÃO ESPEREM POR MELHORIAS E AUMENTO ATÉ O DIA 30JUN14.O PEZÃO NÃO VAI OFERECER NADA PARA A PMERJ E CBMERJ.A POLÍCIA CIVIL VAI GANHAR ALGO,A INCORPORAÇÃO DA GRATIFICAÇÃO DE R$850,00...

    ResponderExcluir
  4. Essa medalha trocada por bosta é a mesma coisa.........

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que representa 100%do salário deles.

      Excluir
  5. Sou 54 mil e em breve serei ultrapassado pelos SGTs de curso, pelo ressarcimento de preterição. Eles não podem perder a sua antiguidade, que honestamente falando foi adquirida de forma absurda, mas ultrapassar mais antigo pode. Que merda é essa? Não falam sempre da Hierarquia e disciplina como bases institucionais da PMERJ? Amigos antigões chegou a hora de batermos de frente e mudarmos de vez toda essa bagunça. Sub Ten com 12 anos de serviços " INTERNOS", ultrapassarão PMs com 24 anos de serviço. Absurdo. Se isso acontecer não faço mais nada.

    ResponderExcluir
  6. esse tal de pezão , é mais um fanfarrão igual o safado do cabral , é mais um da escola a polícia tem que ter é aumento de salario e não essa babacada de medalha que não serva para nada , ele tem que enfiar essa porra é na bunda dele .

    ResponderExcluir
  7. Meu amigo 54 mil. Sou policial do curso absurdo ao qual vc se refere. Só quero q vc saiba que o q eu tinha q aprender de polícia aprendi nos meus primeiros 3 anos. E nesses 3 anos vi muita coisa acontecer. Inclusive, pude ver policiais com rg menor q o seu com atitudes dignas de 100 mil. Desculpem-me os 100 mil. O q mais faz pensar é o fato de q sempre foi ao contrário. Aposto q vc mesmo já falou q o cfs é pra burro. Ora, vai ficar 10@ como segundo... agora q o decreto foi interpretado corretamente só resta a vc olhar a justiça ser feita. Ou vc acha justo o mais moderno me passar? Diz aí, não acho justo eu te passar. O justo mesmo seria vc ainda ser soldado... ou ter colocado o corpo 1 ano nos bancos escolares. Será q vc iria?

    ResponderExcluir