quarta-feira, 11 de junho de 2014

Policiais Federais são rendidos por traficantes da Malvinas, em Macaé

DIÁRIO RIOSTRENSE
Federais que faziam uma diligência em Macaé acabaram dentro da comunidade da Malvinas por erro do GPS do carro.Ao verem os agentes os traficantes em maior número e melhor armados renderam os policiais federais , tomaram deles as pistolas e os telefones celulares e os liberaram.

11 comentários:

  1. Eles sempre chamaram a PM,para escoltá-los. Nem policial da área entra sem reforço e assim mesmo fica perigoso. Deram sorte pois o pior poderia ter acontecido e o governo do estado se calaria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O PM do Rio arrisca a vida quase de graça! O salário dos Soldados PM está tão baixo que chega a ser um desrespeito às suas famílias. Falta muito para o PM do Rio ter um salário digno, pois o Salário Mínimo Necessário divulgado pelo D.I.E.E.S.E. em Abril de 2014 foi estimado em R$ 3.019,07 (três mil e dezenove reais e sete centavos) e os PMs em início de carreira recebem pouco mais que a metade de referido valor. O Governo teria que conceder quase 100% de reajuste salarial para dignificar a remuneração do Policial Militar do Estado do Rio de Janeiro.

      Os PMs do Rio enfrentam o perigo para proteger a sociedade, mas as suas famílias passam necessidades. O salário líquido de um Soldado da PMERJ é insuficiente para suprir as NECESSIDADES VITAIS BÁSICAS dos Policiais Militares, previstas no artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988, de acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, o que é inaceitável. O Governo do Estado tem que atender pelo menos o que está previsto na Carta Magna!

      http://www.dieese.org.br/analisecestabasica/salarioMinimo.html

      "Como uma sociedade vai garantir a paz, a segurança pública e a justiça criminal com policiais envolvidos em jornadas estressantes e perigosas em ambientes com armas de guerra e poder financeiro corruptor, sem poder conviver com a famílias os momentos de folga e lazer, necessários à sua saúde mental, boas condições técnicas e acertadas decisões de inopino? A saúde emocional, psíquica, física e financeira dos policiais brasileiros deveria ser prioridade na atenção dos poderes governantes e da sociedade, já que são estes homens e mulheres que fazem a primeira linha de defesa contra o crime e contra a violência na garantia de direitos." (BENGOCHEA)

      OS POLICIAIS MILITARES PRECISAM RECEBER UM SALÁRIO COMPATÍVEL COM A RESPONSABILIDADE E A IMPORTÂNCIA DAS FUNÇÕES QUE EXERCEM. SÓ ASSIM OS GOVERNOS ESTADUAIS OFERECERÃO QUALIDADE NOS SERVIÇOS PRESTADOS. A SEGURANÇA PÚBLICA É UM SERVIÇO ESSENCIAL! A POLÍCIA MILITAR DO ESTADO RIO DE JANEIRO PRECISA LUTAR PELA VALORIZAÇÃO DE SUA TROPA, NÃO PODE PERMITIR QUE O SOLDO DO SOLDADO FIQUE ABAIXO DO SALÁRIO MÍNIMO VIGENTE.

      A PEC 300 é a solução para a melhoria salarial! Com os reajustes concedidos, ao final de 2016, um Soldado da PMDF receberá R$ 7.190,98, e esse valor não inclui nenhum anuênio. É um absurdo a diferença de salário de dois orgãos públicos que fazem os mesmos serviços!

      http://www.policialbr.com/df-governo-reajusta-beneficios-para-pms-e-salario-soldado-vai-para-r-71-mil/

      Em respeito ao que determina a nossa Carta Magna, promulgada em 1988, um Soldado da PMERJ não deveria ganhar menos de R$ 7.190,98. Esse deveria ser o piso da categoria em todo o país! As famílias dos Policiais Militares do RJ estão passando necessidades, o que é inaceitável, pois eles prestam um serviço público essencial.

      O salário do Policial Militar do Estado do Rio de Janeiro é uma ofensa à Constituição Federal de 1988, uma verdadeira afronta ao Inciso IV do Artigo 7° da nossa Carta Magna, lembrando que GRATIFICAÇÃO NÃO É SALÁRIO!! Os soldos de Cabos e Soldados da PMERJ estão abaixo do salário mínimo, o que é inaceitável, imoral, ilegal, inconstitucional, ou seja, um DESRESPEITO aos profissionais que colocam suas vidas em risco pela sociedade!

      É preciso implantar a CARREIRA ÚNICA e a exigência do NÍVEL SUPERIOR COMPLETO para ingresso na PMERJ (com todos os candidatos iniciando a carreira como Soldados). O interesse público está em primeiro lugar!

      Excluir
  2. Se fossem PMs, não duvido nada que os matariam. Cadê o poder público nesse local? Vergonha!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. INFELIZMENTE, O RIO DE JANEIRO ESTÁ COMPLETAMENTE DOMINADO PELOS BANDIDOS, GRAÇAS AOS REPRESENTANTES DOS DIREITOS HUMANOS, QUE OS PROTEGEM! CIDADÃOS DE BEM E POLICIAIS NÃO PODEM FAZER NADA, POIS QUEM MANDA NO BRASIL SÃO OS CRIMINOSOS!

      Excluir
  3. isso e para verem a força que a pm tem , uma patrulha da pmerj colocaria esses bandidos paa correr a hora e essa senhores policiais vamos parar tudo

    ResponderExcluir
  4. Polícia federal é piada...............polícia de mentira com salário de verdade.....

    ResponderExcluir
  5. Se fossem pms a midia estaria massacrando. Depois a pm que e despreparada.

    ResponderExcluir
  6. Quero ver a tv globo noticiar isso.

    ResponderExcluir
  7. sou morador, Aqui Macae se vende a imagem de que as bases instaladas nas comunidades são UPPs, Mas ate aonde sabemos nem as gratificações os Policias aqui ganham. Ate quando o Poder Publico vai agir dessa forma... Com vidas!

    ResponderExcluir
  8. ATÉ OS BANDIDOS SABEM QUE POLICIA É A PM, E POR ISSO QUE NÃO MATARAM OS PFs, TAMBÉM SABEM QUE MATAR PM NÃO DA EM NADA.

    ResponderExcluir
  9. Falar que não mataram os PF pq não são policiais é no mínimo falta de informação! Os caras são muito mais policiais do que nós a verdade é essa, olhe a polícia de qualquer país e veja se estou errado. A PM do Rio faz mais papel de soldado de exército contra uma guerra civil, do que trabalho policial. Infelizmente para nós PPMM é a pura realidade! veja os irmãos da UPP, que levam pedradas, tiros e a imprensa mostra como se a favela fosse pacificada...

    Os bandidos só não mataram os PF, pq sabem que se matassem iria ter um represália do governo federal. Coisa que não acontece quando morre um PM ou PC, pois para o Estado somos apenas um número de rg...

    ResponderExcluir