sábado, 26 de dezembro de 2015

Subsecretário e coordenadores da Seap pedem exoneração

Um desentendimento entre o então subsecretário geral de Administração Penitenciária, Maurício Santos de Moraes, e o secretário Erir Costa Filho gerou, pelo menos, oito trocas de cargos na pasta. O estopim seria o fato de o diretor do presídio Lemos Brito ter impedido o acesso de agentes do Serviço de Inteligência. Moraes pediu para sair na manhã desta sexta-feira. Em solidariedade, outros diretores de unidades e de segurança seguiram o mesmo caminho. No lugar de Moraes assume o secretário Adjunto de Gestão Operacional, Sauler Antônio Sakalen.

Procurada, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) afirmou que todos os cargos já foram substituídos e o sistema está "dentro do controle e da normalidade". "A Seap informa, ainda, que as medidas tomadas pelo secretário são administrativas e não há crise no sistema", ressaltou, em nota.



3 comentários:

  1. SERVIÇOS DO PROG PASSAM A SER OBRIGATÓRIOS!!
    Em pleno dia 24 de dezembro, véspera de natal, o comando do CBMERJ envia seu presente natalino aos militares da corporação.

    Agora, os comandantes de unidades estão autorizados a escalar os bombeiros de forma COMPULSÓRIA para preencherem as vagas do PROG (Programa de Reforço Operacional nos Grupamentos).

    Diante de atrasos recorrentes nos pagamentos muitos militares optavam por não aderir a escala, pois trabalhavam e não podiam contar com o dinheiro no orçamento do mês.

    Imaginem nesse momento de crise que nem os vencimentos do mês estão garantidos. Será que o PROG vai virar escala extra gratuita?



    Boletim ostensivo do CBMERJ - 24/12/2015.


    Determinação do Diretor Peniche do COCB

    É impressionante como o comando da corporação não nos representa. Estamos sendo triturados pelo governo do estado e ninguém esboça sequer uma reação.

    Não satisfeitos, recorrem ao regulamento disciplinar para forçar os militares que não querem aderir a escala do PROG.

    Observem o final da mensagem do COCB: "A ordem é escalar de forma compulsória. Não cumpriu? Aplique-se o regulamento."


    E qual será a atitude dos "comandantes" caso os vencimentos não sejam depositados no dia??

    ResponderExcluir
  2. conheço o cel mauricio homem serio NÃO conseguindo realizar suas funções pediu demissão sendo seguido por outros tantos agentes do BEM. SISTEMA FALIDO.

    ResponderExcluir
  3. O Coronel fez bem em sair, pois a SEAP está cheia de bandidos disfarçados de bons homens. O sistema está totalmente contaminado.

    ResponderExcluir