quinta-feira, 14 de abril de 2016

Aposentados e pensionistas do estado terão que pagar plano de saúde, mesmo sem receber este mês

Aposentados e pensionistas do Estado do Rio que recebem mais de R$ 2 mil líquidos não vão ficar livres de pagar o plano de saúde este mês, mesmo sem receber os seus benefícios. A medida vale para os segurados que têm contratos assinados com a Aliança Administradora.

Quem tiver dinheiro em conta corrente terá o valor da mensalidade debitado normalmente nesta quinta-feira. Os segurados sem saldo terão que acessar o site da Aliança (www.aliancaadm.com.br) a partir desta segunda-feira, dia 18, para emitir o seu boleto com vencimento para o dia seguinte. O aposentado ou pensionista será obrigado a pagar o boleto com acréscimo de juros diários de R$ 0,33 mais multa de 2% ao mês. A Aliança esclareceu que vai enviar SMS informando quando o documento estará disponível no site.

Nesta quinta-feira também serão debitadas as mensalidades de todos os servidores ativos, independente da faixa salarial, e dos aposentados e pensionistas que têm vencimentos de até R$ 2 mil líquidos. Não haverá acréscimo para estes grupos.

A Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão (Seplag) solicitou à Aliança Administradora, empresa responsável pelos contratos do Plano de Saúde do Servidor, uma solução que não prejudicasse os inativos e pensionistas que receberão suas remunerações de março até 12 de maio.

A Aliança explicou que já tinha atendido à solicitação da secretaria para transferir o vencimento do primeiro e segundo dias úteis do mês para o sétimo dia útil e, posteriormente, para o décimo dia útil, mas que não teria mais como prorrogar a data de vencimento.

Um comentário: